Google
 

terça-feira, 24 de julho de 2012

Guerra-Peixe: Obras para violino piano (Tokeshi; Borgoth)




Sonata n.2, para violino e piano (1978)
01. Allegro Comodo
02. Recitativo
03. Scherzoso

Música, para violino e piano (1944)
04. Largo
05. Allegro

Duas Peças (1947)
06. Andante
07. Allegretto moderato

Miniaturas n. 1  (1947)
Para Henrique Niremberg
08.  Moderato
09. Adagio
10. Allegretto

A Inúbia do Cabocolinho (1956)
Original para orquestra. Transcrição do autor de 1971
11. A Inúbia do Cabocolinho

Três Peças (1957) Para Perez Dworecki
Original para viola e piano. Adaptação do autor de 1967
 12. Allegretto Moderato (Galope)
13. Três Peças - Andantino (Reza-de-defunto)
14. Três Peças - Allegretto (Toque de Jeje)

Variações Opcionais (1977)
Original para violino e acordeão. Transcrição do autor
15. Variações opcionais

Quatro Coisas (1987)
Original para harmônica e piano. Transcrição do autor. 
16. Quatro Coisas - Prelúdio: Solene
17. Quatro Coisas - Movimentação: Allegro comodo
18. Quatro Coisas - Interlúdio: Andante
19. Quatro Coisas - Caboclo de Pena: Allegro Vivace

Sonata n.1 para violino e piano (1951)
Dedicado a Altéia Alimonda e Lydia Alimonda Haller
20. Alegro moderato
21. Andante con moto
22. Allegro

DOWNLOAD
(mp3 320 + encarte\booklet)

COMPRAR



Nota do autor sobre as Variações Opcionais


1. Esta obra é denominada "Variações opcionais" porque nem todos os trechos são exatamente variações, mas por vezes variedades.
Por outro lado, os intérpretes poderão eliminar as variações que quiserem; ou, ainda, repetirem as que preferirem (Partitura).


2. Obra especialmente composta para a II Bienal de Música Contemporânea, realizada na Sala Cecília Meireles, Rio de Janeiro. Gravação do autor e da acordionista Ed Lemos, em discos culturais da Sala Cecília Meireles. O Instituto Nacional de Música - FUNARTE, recebeu a solicitação para enviar cópias desta obra para a Austrália, Alemanha e Estados Unidos (Relação de obras para violino, 1991).

6 comentários:

Vivelo disse...

Bela postagem, valeu!!

G. Tadeu disse...

Obrigado, Vivelo, aproveita bem esse material aí, que é coisa muito fina! E a interpretação desse duo está ótima, chega a ajudar a dar brilho em algumas das peças, que nas mãos de muitos outros intérpretes poderiam ser totalmente sem graça...

Antônio Vinícius disse...

Não sei se este é o espaço adequado para perguntar, mas o que aconteceu com o Bujokas?

Ninguém o encontra mais....

Harry Crowl disse...

Está aqui em Curitiba até o dia 10. Depois volta para o Cazaquistão, onde reside atualmente.

wbujokas disse...

Olá, as férias têm sido corridas e, antes delas, o serviço estava corrido. Mas espero começar a colar as coisas nos eixos (ou rezo para que consiga isso, hehe).

Abraços e o brigado pela lembrança!

Antônio Vinícius disse...

Te procurei tanto, meu amigo Bujokas, no SoulSeek.

Espero que esteja melhor do que na última vez que conversei contigo.

Abraço!

P.S. Que lisonja ter essa companhia aí de cima, han?

pensando clássicos Headline Animator

Orkut: Comunidade Música Brasileira de Concerto

Um espaço para todos os visitantes deste blog, onde poderemos trocar idéias para futuro do blog, discutir temas relativos à música brasileira e também nos conhecer.

Comunidade Música Brasileira de Concerto